Em 1983, Antonio Abujamra, então à frente do TBC Teatro Brasileiro de Comédia, decidiu abrir um espaço mais favorável ao teatro infantil, na época relegado ao que “sobrava” de palco do espetáculo para adultos que estivesse em cartaz.

Tronodocrono, uma das muitas parcerias de Gabriela Rabelo e José Rubens Siquera, foi escrito  e encenado como primeira experiência desse projeto.

 

Texto para duas atrizes, dois atores e um menino.

A cena é o fundo da mata.

Os objetos dispostos a indicar os quatro pontos cardeais,

uma rosa dos ventos,

cujo centro é uma fogueira com o caldeirão de comida.

O fundo todo é uma grande cachoeira imobilizada.

 

1983

Dulce Muniz - Adilson Barros - Luiz Tinoco - Beto Magnani

Direção Francisco Medeiros - Música original Oswaldo Sperandio - Coreografia Sônia Mota

Cenário e figurino José Rubens Siqueira - Sonoplastia Flávia Calabi - Músicos André e Cebola 

TRONODOCRONO